O que é fazer uma visita hospitalar

 


No ambiente hospitalar, onde a cura, a esperança e a humanização se entrelaçam nos corredores, a presença de voluntários adquire um significado especial. Ao decidir dedicar parte do seu tempo para visitar pacientes, muitos dos quais passam por momentos de fragilidade e solidão, o voluntário não só assume uma missão de alívio e apoio emocional, mas também uma responsabilidade que vai além de simples gestos de carinho.

Assim, ao tornar-se voluntário do Big Riso as visitas aos hospitais passam a ser recorrentes! Mas afinal, o que fazer durante uma visita?

Todo palhaço deve respeitar o ambiente hospitalar, seus funcionários e dirigentes. O voluntário deve estar consciente em suas intervenções, no sentido de melhorar o bem-estar dos pacientes em estreita colaboração com toda a equipe médica, devendo sempre respeito a toda a equipe.

“Divirta-se muito. Volte a ser criança. Se você estiver só representando certamente não convencerá ninguém, principalmente uma criança. Não finja ser uma pessoa alegre. Seja um palhaço!”. Essa é nossa dica primordial para você que está ingressando no voluntariado.


                                 


Se faça presente neste momento e divirta-se com o paciente, seja contando uma história, ensinando algo simples ou apenas brincando.

No final da visita você perceberá que cada esforço e cada detalhe mudam o dia dos pacientes e faz toda a diferente para os voluntariados!